Concorrência: 6 dicas para se diferenciar

Confira nossas dicas para se aproximar dos seus clientes se diferenciando da concorrência ao mesmo tempo.
Publicado em:
23/2/2022

Na hora de escolher onde comprar, o cliente leva em consideração diversos fatores como preço, atendimento e qualidade. A comparação, geralmente, é feita com empresas de um mesmo setor e elas são classificadas em uma ordem de preferência. Todo esse processo é muito rápido, quase automático, na mente do consumidor. 


Estar em primeiro lugar na lista de marcas que ele está considerando comprar não é uma tarefa fácil. Existem hoje milhares de empresas que oferecem produtos e serviços semelhantes. Como então se diferenciar de outras lojas e fidelizar o cliente


Separamos seis dicas que você pode aplicar ao seu negócio para se diferenciar da concorrência.


1) Analise seu negócio


Você provavelmente é a pessoa que mais conhece o seu negócio, aproveite isso para listar seus pontos fracos e pontos fortes. Além disso, lembre-se da proposta de valor da empresa, qual foi o seu objetivo inicial ao abri-la? 


Escute também funcionários, clientes e parceiros e entenda os diferentes pontos de vista sobre o negócio. Anote todas as descobertas e desenhe uma estratégia em cima disso. Comece a melhorar o que precisa ser melhorado e se estabeleça como uma referência nos seus pontos fortes.


Dica: Uma metodologia muito usada para entender melhor o posicionamento da sua empresa dentro do mercado é a análise FOFA (ou SWOT, na sigla em inglês). O objetivo é identificar forças e fraquezas internas, e oportunidades e ameaças em relação à concorrência. Depois, você pode criar um plano de ação vendo como pode melhorar ou atenuar os pontos fracos e usar as forças e as oportunidades a seu favor, em busca de neutralizar as ameaças.



2) Conheça o mercado


Quando buscamos entender nossos pontos fracos e fortes, estamos falando, principalmente, sobre características do próprio negócio. No entanto, é  muito importante conhecer bem o mercado onde sua empresa atua também.


Observe os produtos e serviços, mas também o atendimento, redes sociais e pós-vendas de outros negócios. A atuação da concorrência dentro do setor te indica um bom caminho para se destacar. Conhecendo bem o que o mercado está fazendo (até em outros setores) te ajudará a ver espaços onde é possível crescer e inovar. Por exemplo, se você perceber que no seu mercado o atendimento humanizado não é comum, invista nisso e crie um novo padrão de atendimento.

 

3) Estude seu público-alvo


Uma análise essencial que também deve ser feita é do seu público-alvo. Quem são as pessoas que visitam a sua loja e por que elas escolhem comprar de você e não do vizinho? Quais são as ofertas que eles estão buscando? 

 

O perfil demográfico e os hábitos de compra devem ser analisados na hora de entender quem visita a sua loja e porquê. Tendo isso em mente e conhecendo as dores e necessidades desses clientes, você pode traçar estratégias mais assertivas e personalizadas.

 

Saiba mais sobre como definir seu público-alvo

 

4) Inove constantemente


O que diferencia empresas inovadoras de empresas tradicionais é pensar fora da caixinha. Não necessariamente você tem que inventar um produto ou serviço novo, mas sim pensar em diferentes maneiras de melhorar a experiência dos seus clientes. Aqui, o sentido de inovação é: surpreenda. 


Para se destacar da concorrência, é essencial que a vontade de inovar esteja no centro do seu negócio e que você queira sempre evoluir em todos os aspectos. Usando o exemplo do atendimento humanizado, essa prática não é nova ou única, mas pode trazer uma diferenciação necessária dentro do seu mercado.


Quer saber mais? Leia a história do Adônis, dono da Coffee Body, que usa as redes sociais para inovar no seu setor.


5) Foque na experiência


Ter um atendimento excepcional é um dos maiores diferenciais que um negócio pode ter. A experiência que o cliente tem ao visitar sua loja deve, aliada à qualidade dos produtos e serviços, fazer com que ele volte mais vezes e se lembre da sua marca.


Treine muito bem seus colaboradores para que eles entendam os objetivos e benefícios por trás do atendimento humanizado — não só dentro do estabelecimento, mas também nas redes sociais, e-mail e telefone.


Dica: Crie uma pesquisa de satisfação para entender melhor quais pontos positivos e negativos seu cliente vê no seu negócio. 


6) Use o ambiente digital


Gratuitas, as redes sociais são a maneira mais fácil de você encontrar seu público e se comunicar com ele. Instagram, Facebook e WhatsApp são amplamente utilizados para conectar público-alvo e marcas. Além de serem canais mais rápidos, também estão presentes no dia a dia da maioria das pessoas.


Aproveite esse ambiente para aplicar as estratégias que vão te diferenciar da concorrência. Ofereça benefícios, apresente a marca para os seguidores e fique mais próximo de cada um deles. Não se esqueça também que o e-mail e o SMS ainda são canais de comunicação valiosos.


Inspire-se na história da Panificadora Tayrona que usa as influenciadoras para crescer nas redes sociais.



Gostou das nossas dicas? Então comece a pensar nas maneiras que você vai transformar cada uma delas em uma ação que vai alavancar seu negócio. Comente também aqui embaixo o que você achou do conteúdo e compartilhe suas dicas.


Conheça a Collact

Barbara Bastos

Formada em Jornalismo, meu foco sempre foi em empreendedorismo  e negócios. Já trabalhei como repórter na revista Pequenas Empresas e Grandes Negócios. Hoje ajudo a tirar todas as suas dúvidas relacionadas aos mais diversos temas aqui no blog da Collact.

Você também pode gostar destes posts

voltar para o blog

Receba conteúdos Collact